Rua Ezequiel Freire n° 35 - 3° andar, Conj. 33


Santana - São Paulo - SP


Cep: 02034-000


(11) 5051-7156

Governo argentino destaca positiva balança comercial com o Brasil
Sáb, 04 de Outubro de 2014 09:00

Governo argentino destaca positiva balança comercial com o BrasilO chefe de Gabinete do governo da Argentina, Jorge Capitanich, destacou a recuperação do saldo positivo na balança de operações comerciais com o Brasil, equivalente a US$ 100 milhões, graças a um aumento de 12,7% nas exportações em setembro.

"Isso representa 12,7% de aumento nas exportações argentinas ao Brasil, e também uma reversão do saldo negativo de US$ 753 milhões do mês de setembro de 2013. Ou seja, crescemos 12,7% em exportações", frisou o chefe de ministros argentino.

Leia mais...
 
Embarque de minério do país em setembro é o maior em quase 3 anos
Sáb, 04 de Outubro de 2014 09:00

Embarque de minério do país em setembro é o maior em quase 3 anosOs volumes de minério de ferro exportados pelo Brasil em setembro atingiram 33,1 milhões de toneladas, o maior volume mensal embarcado em quase três anos e um crescimento de 14 por cento na comparação com o mesmo mês de 2013, segundo dados divulgados nesta quarta-feira pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex).

Leia mais...
 
Importação de petróleo e derivados pelo Brasil dispara em setembro
Sáb, 04 de Outubro de 2014 09:00

Importação de petróleo e derivados pelo Brasil dispara em setembroAs importações de petróleo, gás e derivados pelo Brasil em setembro cresceram, pela média diária, quase 50 por cento na comparação com o mesmo mês do ano passado, para 3,935 bilhões de dólares, informou nesta quarta-feira a Secretaria de Comércio Exterior.

As compras de petróleo no exterior somaram 1,967 bilhão de dólares, mais que o dobro do verificado no mesmo o período do ano passado. As importações de derivados atingiram um montante semelhante.

Leia mais...
 
Brasil e EUA assinam memorando que encerra contencioso do algodão
Sáb, 04 de Outubro de 2014 09:00

Brasil e EUA assinam memorando que encerra contencioso do algodãoDepois de mais de uma década de disputa, Brasil e Estados Unidos assinaram, em Washington, o Memorando de Entendimento que encerra o contencioso do algodão. De acordo com nota divulgada pelo Ministério das Relações Exteriores (MRE), que integra a Câmara de Comércio Exterior (Camex) e esteve à frente das negociações, os Estados Unidos se comprometeram a efetuar ajustes no programa de crédito e garantia à exportação (GSM-102), que passará a operar dentro de parâmetros bilateralmente negociados, propiciando, assim, melhores condições de competitividade para os produtos brasileiros no mercado internacional.

Leia mais...
 
Empresários querem mexicanizar o Brasil, diz ministro
Sáb, 04 de Outubro de 2014 09:00

Empresários querem mexicanizar o Brasil, diz ministroO ministro do Desenvolvimento, Mauro Borges, está inconformado com as críticas que a presidente Dilma Rousseff vem recebendo de empresários na campanha eleitoral.

"Os empresários não querem política industrial ativa? Querem que a economia brasileira se ´mexicanize´, transformando a indústria em uma linha de montagem?", disse Borges em entrevista à Folha.

Ele se refere à indústria maquiladora que dominou a economia mexicana nos anos 90, fez do país um pólo de montagem, e se erodiu com a transferência da produção para a China, sem ter desenvolvido a economia local.

Leia mais...
 
Venda de carne para Rússia tem janela curta e instável
Sáb, 04 de Outubro de 2014 09:00

Venda de carne para Rússia tem janela curta e instávelA janela de oportunidades para o Brasil no mercado russo, aberta com o bloqueio de Moscou a produtos agrícolas europeus e americanos, é "instável" e "tem curto período de tempo" na visão do Ministério da Agricultura.

Segundo Leandro Feijó, diretor do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal, por envolver uma decisão política e comercial, e não apenas técnica, a posição favorável do Brasil no mercado russo pode mudar rapidamente.

Leia mais...
 
Usina de R$ 20 bi vira disputa entre Furnas e Odebrecht
Sáb, 04 de Outubro de 2014 09:00

Usina de R$ 20 bi vira disputa entre Furnas e OdebrechtA briga envolvendo os dois líderes no consórcio responsável pela usina de Santo Antônio, no rio Madeira (RO), Odebrecht e Furnas, emperra a resolução dos problemas financeiros da companhia.

Ambos travam um embate interno para decidir quem se responsabilizará pelo atraso na construção da obra: todos os sócios ou só a Odebrecht.

A usina, de acordo com o cronograma válido na Aneel, atrasou cinco meses e, por isso, precisa arcar com um prejuízo de R$ 2 bilhões.

A Odebrecht quer que o valor seja rateado entre todos os sócios. Furnas, por outro lado, exige que a Odebrecht pague a maior parte.

Leia mais...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>
Página 1 de 131

INTERCORP Consultores Associados - Todos os direitos reservados

Os relatórios de análise têm como único propósito fornecer informações e não constitui ou deve ser interpretado como uma oferta ou solicitação de compra ou venda de qualquer instrumento financeiro ou de participação em qualquer estratégia de negócios específica, qualquer que seja a jurisdição

Criação de Sites - ATESCO